segunda-feira, 2 de julho de 2012

"Anoitecer" - Poema de Florbela Espanca


Obra de Vladimir Kush



Anoitecer


A luz desmaia num fulgor d'aurora, 
Diz-nos adeus religiosamente... 
E eu, que não creio em nada, sou mais crente 
Do que em menina, um dia, o fui... outrora... 

Não sei o que em mim ri, o que em mim chora 
Tenho bênçãos d'amor p'ra toda a gente! 
Como eu sou pequenina e tão dolente 
No amargo infinito desta hora! 

Horas tristes que são o meu rosário... 
Ó minha cruz de tão pesado lenho! 
Meu áspero e intérmino Calvário! 

E a esta hora tudo em mim revive: 
Saudades de saudades que não tenho... 
Sonhos que são os sonhos dos que eu tive... 


in "Livro de Sóror Saudade"



Galeria de Vladimir Kush
Aforismos de Carlos Drummond de Andrade
Vladimir Kush


"O otimismo é um cheque em branco a ser preenchido pelo pessimista."

(Carlos Drummond de Andrade)


Vladimir Kush

"O que seria do pobre vaga-lume, sem a escura noite?"

(Carlos Drummond de Andrade)


Vladimir Kush


"A inteligência superior vive em débito com os admiradores, que lhe exigem tudo."

(Carlos Drummond de Andrade)


Vladimir Kush


"Não há felicidade que resista à continuação de tempos felizes."

(Carlos Drummond de Andrade)


Vladimir Kush


"Seria cómico, se não fosse trágico"

(Carlos Drummond de Andrade)


Vladimir Kush


"É bom ler e é ótimo ter lido" 

(Carlos Drummond de Andrade)


Vladimir Kush


"Somos humildes na esperança de um dia sermos poderosos."

(Carlos Drummond de Andrade)


Vladimir Kush


"O sofrimento é repartido ao longo da vida e separado por blocos de esquecimento." 

(Carlos Drummond de Andrade)


Vladimir Kush


"O verso é uma vitória sobre os limites da linguagem."

(Carlos Drummond de Andrade)


Vladimir Kush


"O amor dinamita a ponte e manda o amante passar."

(Carlos Drummond de Andrade)


Vladimir Kush


"A vida é breve, a velhice é longa."

(Carlos Drummond de Andrade)


Vladimir Kush


"O sonho é o pensamento em férias."



Sem comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...