domingo, 13 de abril de 2014

"Namorados da Cidade" - Poema de Ary dos Santos


Ponte sobre o Rio Tejo, Lisboa - Portugal



Namorados da Cidade 


Namorados de Lisboa 
à beira-Tejo assentados 
a dormir na Madragoa. 
Namorados de Lisboa 
num mirante deslumbrados 
à beira-verde acordados 
namorados de Lisboa! 

Ao domingo uma cerveja 
uma pevide salgada 
uma boca que se beija 
e que nos sabe a cereja 
a miséria adocicada 
à beira-parque plantada: 
namorados de Lisboa! 

Sempre sempre apaixonados 
mesmo que a tristeza doa 
namorados de Lisboa! 

Namorados de Lisboa 
na cadeira de um cinema 
onde as mãos andam à toa 
à procura de um poema. 
Namorados de Lisboa 
que o mistério não desvenda 
até que o escuro se acenda. 

Namorados de Lisboa 
a apertar num vão de escada 
o prazer que nos magoa 
e depois não sabe a nada. 
Namorados de Lisboa 
a morar num vão de escada 
namorados de Lisboa! 

Sempre sempre apaixonados 
Mesmo que a tristeza doa 
namorados de Lisboa! 


Ary dos Santos, in 'As Palavras das Cantigas'





Carlos do Carmo - Namorados de Lisboa



"A conversação dos beijos. Subtil, absorvente, destemida, transformadora."

(Alice Munro) 



Alice Munro
Alice Ann Munro, nascida Alice Ann Laidlaw (Wingham, Condado de Huron, 10 de julho de 1931), é uma escritora canadiana de contos, considerada uma das principais escritoras da atualidade em língua inglesa. Foi agraciada com o Prémio Nobel da Literatura em 2013. 


Sem comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...