sexta-feira, 17 de abril de 2015

"O sol na água pousa" - Poema de Armindo Rodrigues


Phil Beck, Horses, Óleo sobre tela



O sol na água pousa


Alado, o sol na água pousa 
e dele treme a água amedrontada, 
que a ardente imagem lhe devolve em rosa 
e em si própria um distante sonho ousa 
de céu amargo, que não sonha nada. 



Armindo Rodrigues, in 'Sabor do Tempo (XVIII)'



Phil Beck, Horses, Óleo sobre tela



"Um homem pode muito bem levar um cavalo até a água, mas ele não pode obrigá-lo a bebê-la."

"A man may well bring a horse to water, But he cannot make him drink without he will."
Proverbs (1546); Pt. II, ch. 1



Sem comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...