terça-feira, 22 de novembro de 2016

"Praia" - Poema de Telmo Padilha


Winslow Homer (American, 1836 - 1910), Dad's Coming!, 1873, National Gallery of Art, Washington



Praia


De repente esse sussurro 
de vozes no vento 
e não é o mar que fala. 

De repente essa esperança 
e não vem das pedras. 

De repente o ar se enche 
de vozes 
e não é a noite que fala. 

O mar escuta. 


(1930-1997)
 in 'Poesia Encontrada'



Sem comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...