sexta-feira, 4 de setembro de 2015

"Queixas de um Utente" - Poema de José Miguel Silva





Queixas de um Utente


Pago os meus impostos, separo 
o lixo, já não vejo televisão 
há cinco meses, todos os dias 
rezo pelo menos duas horas 
com um livro nos joelhos, 
nunca falho uma visita à família, 
utilizo sempre os transportes 
públicos, raramente me esqueço 
de deixar água fresca no prato 
do gato, tento ser correto 
com os meus vizinhos e não cuspo 
na sombra dos outros. 

Já não me lembro se o médico 
me disse ser esta receita a indicada 
para salvar o mundo ou apenas 
ser feliz. Seja como for, 
não estou a ver resultado nenhum. 


José Miguel Silva, 
in 'Ulisses Já Não Mora Aqui'






Fortunato Depero (1892-1960)

Sem comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...