segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

"Não Digas Nada!" - Poema de Fernando Pessoa


Georges Lacombe, 1894-1896, L'Existence, carved wood (Bas relief en bois de noyer), 68.5 x 141.5 x 6cm, Musée d'Orsay, Paris.



Não Digas Nada!


Não digas nada! 
Nem mesmo a verdade 
Há tanta suavidade em nada se dizer 
E tudo se entender — 
Tudo metade 
De sentir e de ver... 
Não digas nada 
Deixa esquecer 

Talvez que amanhã 
Em outra paisagem 
Digas que foi vã 
Toda essa viagem 
Até onde quis 
Ser quem me agrada... 
Mas ali fui feliz 
Não digas nada. 


Fernando Pessoa, 
in "Cancioneiro" 




Silhouette - Design by Isabella


Mary Poppins 


A Dream Steamboat 


Pippi Longs Tocking 


The Mad Hatter & Alice 


Thumbelina 


The Little Prince 


Castle - Shadow Theater Decor


House - Shadow Theater Decor


Jack Frost - Laser-cut Shadow Puppet


Little Red Cap and the Big Bad Wolf 


Ice Cream Man


The Sandman 


The Teddy Bear's Picnic


Joseph and Maria - Laser cut Shadow Puppets




Bernardo Sassetti e Mário Laginha 

Bernardo Sassetti e Mário Laginha ao vivo no Encontro "1001 Culturas".

Sem comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...